sexta-feira, 10 de novembro de 2017

AESA no eTwinning

eTwinning - Seminário Bilateral Portugal España, Madrid - 2,3 e 4 de novembro de 2017

No âmbito do Plano Europeu de Formação eTwinning, decorreu entre os dias 2 e 4 de novembro, em Madrid, nas instalações do Instituto Nacional de Tecnologias Educativas y de Formación del Professorado, o Seminário Bilateral Portugal España com a participação da professora Rosário Santos do grupo 600 Artes, do Agrupamento de escolas de Santo André, integrada numa comitiva portuguesa de 20 professores de vários pontos do país. Esta comitiva portuguesa reuniu-se com a comitiva espanhola com outros tantos participantes, criando-se assim um grupo de trabalho vindo geograficamente de vários pontos da Península Ibérica e ilhas, assim como, se apresentou diversificado em relação ao grupo disciplinar e nível de ensino, predominando, no entanto, os professores de grupos disciplinares das línguas.
Ao Plano Europeu de Formação eTwinning podem candidatar-se Educadores de Infância e Professores de qualquer ciclo ou área disciplinar, de escolas públicas e privadas, que pretendam iniciar projetos eTwinning com escolas europeias e cuja finalidade é a de desenvolver a dimensão europeia na educação, cruzando dois aspetos: a Europa e a utilização educativa das Tecnologias de Informação e Comunicação (TIC). O projeto eTwinning decorre desde 2005 e conta neste momento com mais de 435.00 professores de toda a Europa e em Portugal é cada vez mais recorrente o aparecimento de projetos internacionais e, em especial, no âmbito do eTwinning contam-se mais de 5000 projetos entre escolas portuguesas e de outros países europeus.
Durante estes dias, o programa foi intenso e diversificado, distribuindo-se entre apresentações feitas por diversos oradores, integrados no serviço nacional espanhol de eTwinning, professores de diversas escolas e aluna que no conjunto nos forneceram dados para compreender o eTwinning de diversos prismas, como construir um bom projeto e quais os recursos digitais educativos pertinentes e úteis para o desenvolvimento de trabalho colaborativo entre alunos e professores de diversas escolas europeias.
Para além das apresentações foram promovidas condições para que os participantes se conhecerem, e iniciarem trabalho em conjunto de acordo com ideias comuns, cumprindo-se assim os objetivos deste encontro, o de se iniciarem projetos colaborativos entre escolas portuguesas e espanholas.
Em suma, este seminário caraterizou-se pela excelente organização, com um programa intenso, mas bastante pertinente e elucidativo, assim como, com excelentes apresentações feitas pelos oradores convidados. Para além deste aspeto, ressalva o excelente ambiente criado entre todos os participantes, um clima de descontração e de comunhão do espírito de diálogo e troca de ideias, e o desejo de começar projetos colaborativos. Como aspeto menos positivo destes dias foi a intensidade de todo o programa (bem elaborado) que não deixou tempo para atividades culturais diversificadas e de conhecimento da cidade de Madrid (sentimos que precisávamos de mais umas horas na cidade que nos acolheu).


Rosário Santos

Professora do grupo de Artes e Coordenadora dos Projetos em Desenvolvimento do AESAndré










quinta-feira, 9 de novembro de 2017

Notícias ERASMUS+ Projeto KA2

Notícias ERASMUS+
Projeto KA2 «BREAKING DOWN WALLS!»
Erasmus+ Strategic Partnership - 2017-2019
2017-1-PT01-KA219-035972
O Agrupamento de Escolas de Santo André congratula-se com a aprovação de mais um projeto Erasmus+. A parceria estratégica entre escolas intitulada «Breaking Down Walls» tem parceiros de Itália, Turquia, França (Reunião), Alemanha e Letónia, sendo Portugal (AESA) o país coordenador do projeto, que decorrerá entre 2017 e 2019.
CONTEXTUALIZAÇÃO
Nos últimos anos temos assistido a grandes mudanças políticas e sociais. Em vez de valores como Liberdade, Igualdade e Diversidade, temos assistido à construção de muros, não apenas físicos, mas essencialmente muros dentro do Coração Humano.
A Europa está a atravessar uma crise humanitária severa com uma das mais elevadas taxas de deslocados alguma vez registada. Assistimos quase diariamente e ações de ódio e terrorismo entre seres humanos, o que está a aumentar o fosso entre países e nacionalidades.
Para conseguir fazer mudanças a longo prazo será necessário trabalhar estes problemas desde tenra idade, sendo as escolas o local mais indicado para o fazer.
De forma a respeitar a dignidade humana, esta parceria irá trabalhar valores como Democracia, Tolerância, Inclusão, Justiça, Solidariedade e Igualdade, com crianças e jovens desde a educação pré-escolar até ao ensino secundário, incluindo alunos do ensino profissional. Com o envolvimento de professores, alunos e famílias de países tão diferentes, estaremos a construir pontes de compreensão e Paz que irão alcançar várias partes do mundo.
OBJETIVOS
-desenvolver projetos cooperativos relacionados com diversos aspetos culturais dos países parceiros;
-desenvolver um trabalho cooperativo entre diferentes disciplinas, envolvendo professores e alunos de diferentes níveis de ensino;
-promover a colaboração entre alunos do ensino regular e ensino profissional;
-utilizar o Inglês como língua de trabalho;
-desenvolver o pensamento lógico, criatividade, responsabilidade, trabalho colaborativo, autonomia e auto-confiança em crianças e alunos desde a educação pré-escolar ao ensino secundário através da utilização de diferentes ferramentas de programação;
-promover o sucesso escolar e prevenir o abandono escolar precoce.
METODOLOGIA DE TRABALHO
A cruzamento de diferentes metodologias de trabalho, assim como o CLIL (Content and Language Integrated Learning) o CALL (Computer Assisted Language Learning) e CS (Computer Sciences) será essencial para alcançar os objetivos propostos neste projeto.
Através das Ciências de Computação, as competências a desenvolver nas crianças e nos alunos não são, como até então com as TIC, na ótica do utilizador. Agora impõe-se o saber fazer. Os alunos aprendem fazendo, em equipa, utilizando a sua criatividade, pensamento crítico e responsabilidade, desenvolvendo assim, as suas competências cívicas e sociais. Mais importante do que identificar o grau de complexidade de um problema é saber pensar numa solução. É assim que o pensamento computacional pode ser utilizado para resolver muitas situações, incluindo questões relevantes do nosso dia-a-dia. Esta forma inovadora de utilizar as tecnologias nas escolas irá
fomentar a aquisição de competências-chave nas crianças e jovens, fazendo deles cidadãos ativos, responsáveis e empreendedores.
O recurso ao Inglês para o desenvolvimento das atividades do projeto desde a educação pré-escolar é a melhor forma de promover a aprendizagem de uma língua estrangeira de forma inata. A aquisição da linguagem será mais eficaz e irá levar as crianças a compreender e respeitar os outros desde tenra idade, desta forma, abrindo-lhe os seus horizontes culturais.
PRODUTOS FINAIS
Mascote, jogos interativos (Scratch), jogo de tabuleiro, quiz digital (Kahoot), livro de histórias, brochura multicultural, vídeos, Apps para smartphones com mapas interactivos, portfólio multilingue, dramatização teatral.
IMPACTO E BENEFÍCIOS A LONGO PRAZO
Todos os produtos criados pelos alunos serão utilizados por crianças e jovens que venham a frequentar as escolas parceiras nos anos que se seguem. Os livros de histórias serão oferecidos às bibliotecas escolares, assim como às bibliotecas municipais nos diversos países. Alguns produtos digitais serão alvo de atualizações por parte dos alunos das escolas parceiras.
O desenrolar e os resultados do projeto serão publicados na plataforma eTwinning, assim como na plataforma de disseminação Erasmus+, estando acessível não só a todas as escolas parceiras, mas a qualquer instituição interessada em promover o seu sucesso.
Este projeto inserido no programa ERASMUS+, é financiado com o apoio da Comissão Europeia. A informação contida nesta publicação (comunicação) vincula exclusivamente os autores, não sendo a Agência Nacional do Programa de Aprendizagem ao Longo da Vida e a Comissão Europeia responsáveis pela utilização que dela possa ser feita.

Laura Silva Maria
Coordenadora da equipa do projeto




sexta-feira, 20 de outubro de 2017

40 anos de ESSA - 27 de outubro 2017


ERASMUS+ - KA1 - Projeto« Speak English, Reach Success» - notícias no jornal Rostos

https://www.rostos.pt/inicio2.asp?cronica=7001348&mostra=2&seccao=as-escolas&titulo=Barreiro-Um-ano-de-intensa-atividade-f

Prémio de Menção Honrosa de Boas Práticas - Selo Europeu para as Línguas 2016 - Erasmus+

Prémio de Menção Honrosa de Boas Práticas - Selo Europeu para as Línguas 2016 - Erasmus+

Foto de Erasmus+KA2 "Comics in teaching languages".

Artes e Movimento - 1º ciclo

Na EB1/JI Telha Nova 1 foi desenvolvido o projeto Artes e Movimento onde foram pintados, pelo chão e paredes do espaço exterior, vários jogos tradicionais infantis pelo professores, alunos e pais.











Prémio SELO de OURO eSafety Label SeguraNet

Continuamos de Parabéns pois o nosso agrupamento atingiu o SELO DE OURO eSafety Label
www.seguranet.pt/
Resumindo o que é o selo eSafety Label:
«...A adoção de tecnologias traz consigo um conjunto muito grande de desafios ligados à segurança digital.
O Selo de Segurança Digital é uma ferramenta gratuita que ajuda as escolas a manterem-se a par das novas tendências de integração das tecnologias de informação e comunicação (TIC) nas salas de aula.
Capacita os professores com os recursos que lhes permitam sentir-se confiantes e oferece certificação e um serviço de apoio em segurança digital a nível europeu...»